quinta-feira, 15 de agosto de 2013 0 comentários By: nonete

Consultório de Família - Novo Casamento é coisa séria!

Consultório de Família - Perdoar para Viver

Sem Tabus - Aprenda a ser Mulher

Sem Tabus - Escolhendo a Pessoa Ideal

Sem Tabus - Aprenda a ser Mulher

terça-feira, 14 de maio de 2013 0 comentários By: nonete

Frutas que emagrecem

Compartilhar no Facebook
publicidade
A melhor forma de conseguir emagrecer é investir em uma dieta pobre em calorias e rica em frutas que emagrecem, tais como morango, banana, pera e melancia.
Confira uma lista com várias frutas capazes de ajudar a emagrecer mais rápido:
Morango: O morango ajuda a emagrecer pois contém calorias negativas, isto é, o corpo gasta mais calorias na sua digestão do que as que a fruta possui. Além disso, é rica em ferro e em vitamina C, sendo um bom anti-inflamatório natural. 100 g possui apenas 45 calorias.
Banana: Rica em triptofano, tira o desejo de comer doces, sacia a fome e cada uma contém entre 87 e 120 calorias, dependendo do tipo e do tamanho. A banana, quando consumida antes de malhar, diminui ainda o risco de cãibras, por ser rica em potássio. Ela também é ótima para o café da manhã, pois diminui a fome ao longo do dia. A banana assada no forno ou no micro-ondas com alguns cravos da índia constitui uma ótima sobremesa. Veja a dieta da banana.
Pera: A pera ajuda a emagrecer porque é rica em fibras, que ajudam a melhorar o trânsito intestinal e tirar a fome. Ela ainda ajuda a regular os níveis de colesterol no sangue. Uma pera grande tem, em média, 85 calorias. Peras assadas com canela também são uma ótima sobremesa que, além de deliciosa, ajuda a emagrecer.
Melancia: Contém calorias negativas e é diurética, auxiliando no combate ao inchaço. Também ajuda a regular os níveis de açúcar no sangue. Ela abaixa a pressão e é considerada um alimento afrodisíaco. 100 g de melancia contém apenas 24 calorias.
Kiwi: Dentre os benefícios do Kiwi, estão o combate à prisão de ventre e a capacidade de saciar o apetite. Rico em vitamina C, é diurético e 100 gramas possui apenas 46 calorias.
Maçã: A maçã ajuda a emagrecer pois é rica em antioxidantes, regula os níveis de colesterol e de triglicerídeos e ajuda na digestão. Uma maçã grande possui, em média, 81 calorias. A maçã assada com canela ou cravo da índia contém poucas calorias, é deliciosa e é uma sobremesa muito nutritiva.
Mamão: Diurético e rico em fibras, facilita a eliminação das fezes e combate a barriga inchada. O mamão é bom para ajudar no controle da diabetes e aliviar os sintomas da gastrite. 100 g contém, em média, 85 calorias. Uma fatia de mamão picado com 1 potinho de iogurte natural é uma ótima opção para o lanche da manhã.
Limão: É diurético, rico em vitamina C e um potente antioxidante, que elimina as toxinas e deixa a pele mais viçosa. 1 limão possui, em média, 22 calorias. Tomar uma xícara de chá da casca de limão diariamente é uma ótima forma de consumir o limão sem açúcar e aproveitar todos os seus benefícios.
Abacaxi: O abacaxi ajuda a emagrecer pois é rico em água e em vitamina C. O abacaxi combate a retenção de líquidos e deixa a cintura mais fina. Quem não gosta do sabor ácido do abacaxi pode experimentar o abacaxi assado no forno com canela em pau.
Recomenda-se comer 1 porção de frutas à cada refeição, totalizando 5 ou 6 frutas por dia. Preferencialmente, deve-se ingerir de 2 a 3 frutas diferentes por dia, seguir uma dieta hipocalórica e associar a prática regular de exercícios físicos à rotina, para conseguir emagrecer mais rápido.

banana que emagrece


Já ouviu falar nesse regime? Se a respostar for não, é só uma questão de tempo. Essa fruta tão popular entre nós está emagrecendo muita gente no Japão e nos Estados Unidos, países que reúnem um número cada vez maior de adeptos. Desenvolvida por Hitoshi Watanabe, um especialista em medicina preventiva em Tóquio, ela caiu na boca do povo. Literalmente. Nunca se vendeu tanta banana por lá como no último verão, época do ano em que normalmente a melancia, entre outras frutas mais apropriadas para sucos refrescantes, é a mais consumida.

A tal dieta consiste basicamente no seguinte: no café da manhã, o candidato a magro pode comer bananas à vontade e nada mais. É desejável que beba também água em temperatura ambiente. O motivo? Bem, sabe-se que o líquido dá saciedade. Então, entraria como um coadjuvante para espantar a fome. Nas refeições seguintes, pode-se comer de tudo, mas só até as 8 da noite. Após o jantar, nada de sobremesa. Já o lanchinho da tarde permite até uma guloseima. Os únicos itens proibidos são sorvetes, derivados do leite e álcool.

A nutricionista Vanderlí Marchiori, de São Paulo, acredita que esse tipo de dieta não traga prejuízos à saúde. "Isso porque não restringe nenhum grupo de nutriente", justifica. "Os carboidratos, tidos como vilões do emagrecimento, não ficam de fora, o que é ótimo. E a proibição de laticínios e álcool não chega a ser nenhum pecado. Afinal, esses produtos desencadeiam processos inflamatórios."

E pensar que a banana carrega o peso de ser engordativa. "Essa fama é injusta. Na verdade, além de matar rapidamente a vontade de comer, ela contém enzimas que aceleram a digestão, favorecendo uma rápida perda de peso. Sem contar que também tem fibras do tipo solúvel, aquelas que se ligam à água, formando uma espécie de gel que demora para sair do estômago", completa Vanderlí.

O poder emagrecedor da banana deve-se também ao amido resistente, um carboidrato complexo encontrado na batata, em leguminosas e massas integrais e que, dentro do corpo, se comporta como uma fibra, favorecendo o funcionamento do intestino e dando aquela sensação de barriga cheia. Detalhe: o amido resistente aparece muito mais na banana verde.

Pelo sim, pelo não, começar o dia comendo banana só pode fazer bem. Afinal, tanto a banana-prata, como a da terra, a ouro e a maçã - para citar as mais apreciadas em terras brasileiras - são lotadas de potássio, mineral imprescindível para os músculos, como bem sabem os atletas.

o universo das plantas

remedio de plantas